Casamentos reais

Fabiane e Daniel fizeram um casamento tradicional judaico, em Jerusalém

Fabiane e Daniel fizeram uma viagem inesquecível para Jerusalém, onde a noiva se converteu ao judaísmo. Então, eles decidiram fazer o casamento na cidade que marcou suas vidas. Veja como foi o enlace e inspire-se em belos detalhes como o longo véu de noiva de Fabiane e a belíssima sessão de fotos feitas pelo fotógrafo Everton Rosa.

O casal Daniel e Fabi, sob o longo véu de noiva dela, e a vista de Jerusalém ao fundo

O casal Daniel e Fabi, sob o longo véu de noiva dela, e a vista de Jerusalém ao fundo

"Queríamos que o momento mais especial de nossas vidas acontecesse no local mais especial das nossas vidas", é assim que o noivo Daniel explica a escolha de Jerusalém para o seu casamento com Fabiane. Como ela se converteu ao judaísmo em uma viagem a Israel feita um ano antes, os pombinhos resolveram fazer um casamento seguindo todas as tradições, na cidade que é centro da cultura judaica. Não faltou romantismo ao casório: Fabi teve direito a anel de diamantes e lua de mel com esticadinha na França. Veja acima as belíssimas fotos desta união feitas pelo fotógrafo Everton Rosa e abaixo o noivo conta detalhes do evento.

O momento mais emocionante do casamento

"É tradição judaica os noivos ficarem uma semana sem se verem e isso torna o reencontro ainda mais especial. A energia da festa foi incrível e o carinho das pessoas, indescritível. Mas talvez a parte mais divertida do casamento tenha sido o dia seguinte, quando saímos por Jerusalém para fazer um ensaio fotográfico com Everton Rosa.Nesse dia, estávamos mais relaxados. A reação das pessoas, ao se depararem com os noivos na rua, foi muito especial. Vamos levar essa memória conosco para sempre"

Ouvimos dizer que você deu um presente bem bonito para a noiva...

"No costume judaico, é tradição que apenas o noivo dê aliança à noiva. E o anel tem de ser perfeito, bem redondinho, para representar a eternidade e o infinito. Além disso, dei à Fabi um anel de diamantes comprado em Israel. Foi uma jóia muito especial, pois a comprei de um amigo que trabalha com a bolsa de diamentes de Tel Aviv"

Quais os espaços escolhidos para o casamento e para a noite de núpcias?

"Nos casamos no prédio do Aish HaTorá, que fica em frente ao muro das lamentações. Para a noite de núpcias, escolhemos o hotel Mamilla, que provavelmente é o mais chique de Israel. Tem uma arquitetura moderna em meio a uma cidade milenar -- o que rendeu fotos incríveis no dia seguinte"

E a lua de mel?

"Depois do casamento, é costume que os noivos sejam recepcionados pelos amigos em suas casas, durante sete dias. Então ficamos em Jerusalém mais um pouco e só fomos viajar depois disso. Fomos à França, onde passamos por Paris e pela Alsácia (Strasbourg, Colmar e Riquevihr).

***Confira nossas dicas para noivos judaicos:
- Buffet com pratos da culinária judaica
- Cerimônia de casamento na sinagoga

***Outros casamentos feitos no exterior:
- Casamento de Yara e Peter na Áustria
- Casamento de Isabella e Mario em Berlim

Ficha técnica:



Quer que sua festa apareça em nossa seção Casamentos reais? Mande suas fotos!

<



vote
 
inserirumComentário
Autor:
Texto:

NOSSO BOLETIM EM SEU E-MAIL


Aceito as condições legais y la Política de Privacidade de Bodaclick


Olá noivinhas! Trago hoje uma super novidade para vocês! Acabei de chegar de Nova York e conferi de perto a nova coleção de vestidos de noiva da estilista Vera Wang. A coleção Primavera 2014 esta lindíssima e de tirar o ... [Ir ao blog]